Obra de macrodrenagem chega à Avenida Almirante Tamandaré

Nova etapa da maior obra de macrodrenagem da história da Região Oceânica começa no próximo dia 24. Desta vez, será necessária a interdição ao tráfego de veículos na pista sentido Trevo de Piratininga da Avenida Almirante Tamandaré, entre a Rua Átila Nunes (altura do posto BR) e a Rua Hermes da Mata Barcelos (próximo a Tchê Hamburgueria). A previsão para execução da obra neste trecho é de três meses e, durante este período, o trânsito será desviado pelas ruas internas do bairro.

Os motoristas que saem de Piratininga e Camboinhas em direção ao Cafubá e a Itaipu devem acessar o desvio feito pela Rua José Dantas Freire Filho (antes do Posto BR), que ficará em mão única e estacionamento proibido dos dois lados. Em seguida, devem virar à esquerda na Rua Nicanor Nunes, contornar a Praça do Descobrimento e seguirem pela Rua dos Acadêmicos para acessarem a Estrada Francisco da Cruz Nunes. Para quem segue de ônibus, foi criado um ponto na Avenida Almirante Tamandaré, na altura do restaurante Mostaro, e outro na Rua dos Acadêmicos, ao lado da Praça do Descobrimento.

Durante a obra, todas as ruas transversais neste trecho, incluindo a Domingos Araújo, Altevo do Vale e Silva, Hermes da Mata Barcelos e Manoel Pacheco de Carvalho, terão mão dupla e proibição de estacionamento de um dos lados das vias. Já a Rua dos Acadêmicos irá operar em mão única. Agentes da NitTrans estarão no local ordenando o trânsito e orientando os motoristas.

 

Macrodrenagem – Esta é a maior obra de macrodrenagem já realizada na Região Oceânica e irá resolver problemas de alagamentos que existem há décadas na Estrada Francisco da Cruz Nunes em áreas como o Trevo de Piratininga, próximo ao shopping Itaipu Multicenter, e na região perto do motel Status. Este projeto também vai beneficiar o loteamento Santo Antônio, já que após a sua execução, será possível iniciar o trabalho de microdrenagem do loteamento.

Durante toda a obra, que tem investimento de R$ 32 milhões e está sendo executada com recursos da Cooperação Andina de Fomento (CAF), serão abertas diferentes frentes de trabalho. A primeira e segunda etapas começaram em Itaipu, no início de julho, e abrangem o trecho entre o motel Status até o Armazém Naútico. A previsão é de que estas etapas estejam concluídas até novembro.

Aproximadamente 50 funcionários estão trabalhando nesta obra com a implantação das galerias. Estão sendo utilizados pré-moldados que agilizam a execução do trabalho, uma vez que parte da atividade é realizada fora do canteiro, com a armação e moldagem das galerias. Cerca de 400 carretas trazendo as galerias virão para a obra. O prazo previsto para a conclusão de toda a macrodrenagem é no fim deste ano.

 

Confira no mapa abaixo como fica o trânsito na região:

 

ACOMPANHE AS ÚLTIMAS NOVIDADES DA TRANSOCEÂNICA

Confira o andamento das obras de macrodrenagem na Transoceânica

18/10/2017 - Esta é a maior obra de macrodrenagem já realizada na Região Oceânica e irá resolver problemas de alagamentos que existem há décadas na Estrada Francisco da Cruz Nunes em áreas como o Trevo de Piratininga, próximo ao shopping Itaipu Multicenter, e na região perto do motel Status. Essa obra possibilitará também que obras de microdrenagem seja realizada em bairros próximos, […]

Mudanças no trânsito da Região Oceânica

09/10/2017 - Com a maior obra de macrodrenagem da Região Oceânica avançando, algumas mudanças no trânsito estão sendo necessárias. Os motoristas que saem do túnel Charitas-Cafubá em direção a Itaipu passam a contar com mais uma alternativa. As pistas do BHS serão abertas ao tráfego de veículos, após a saída do túnel, na altura da Rua Governador Raimundo Padilha, funcionando no sentido […]

Mais seis bairros da Região Oceânica receberão obras de drenagem e pavimentação

04/10/2017 - Serão publicados no Diário Oficial de amanhã (04/10) os editais de licitação para contratação dos projetos executivos para drenagem, infraestrutura, urbanização e pavimentação dos bairros Maravista, Serra Grande, Jacaré (Avenida Frei Orlando) e Santo Antônio, todos na Região Oceânica de Niterói. Ainda este ano também serão licitados os projetos executivos que beneficiarão o Engenho do Mato e Maralegre. Serão, aproximadamente, […]